Acredite nos que buscam a verdade... Duvide dos que encontraram! (A.Gide)

02 maio 2009

In memoriam AUGUSTO BOAL e REINALDO MAIA

.
 
Foi-se Augusto Boal, o criador do conceito Teatro do Oprimido, grande nome do teatro e da cultura brasileira em geral.
 
Concorde-se ou não com tudo dele, sua importância é ENORME. Ao lado de Paulo Freire, criador da Pedagogia do Oprimido, é um dos poucos teóricos brasileiros reconhecidos com unanimidade em todo o mundo. Quem sabe antes de mais nada pela características de serem teóricos práticos, pessoas para quem toda ação continha reflexão, e toda reflexão estava totalmente a serviço da ação - ação de transformar o mundo.
 
Há umas duas semanas foi-se aqui em Sampa outro nome do teatro - um tanto menos conhecido, mas também comprometido com o teatro-como-arma-de-transformação:  Reinaldo Maia, envolvido com a história do Teatro Arena. Desde que ele se foi me sinto com a dívida de registrar publicamente o quanto as oficinas de dramaturgia dele foram de valor para mim, entre outros contatos. Homem de um enorme conhecimento da cultura popular brasileira! Dei umas aulas de inglês no apartamento dele - e mal conseguia me concentrar, tantos eram os objetos de arte e artesanato maravilhosos que enchiam todas as paredes e estantes - sem falar dos livros!
 
Quero me permitir imaginar que o Maia esteja recebendo o Boal alegremente agora, em algum lugar, e tramando-se no maior bate-papo... Que a inspiração deles possa estar conosco – e com eles a nossa gratidão!
 
Zé Ralf - em 02.05.2009
.

Um comentário:

  1. Segunda feira as 21hs no Galpao do Folias vai ter uma homenagem para o Maia.

    ResponderExcluir